Filha do antigo ministro da saúde e assuntos sociais de Angola apela aos Angolanos na diáspora para apoiarem os jovens Revus em Angola

 Grande Marisa revolucionária

A acção do MPLA é que a fez emigrar ir viver  nos Estados unidos da Américas,

Por Moussa Garcia

Investigative journalist 

06/02/2021

É filha de Samuel Abrigada natural da província de Malange , que o MPLA Caluniou de desviar milhões de escudos no governo de transição,  1975 falsidade feita pelo Lúcio Lara e Saídi Mingas este desempenhava o cargo de ministro das Finanças. 

O Dr. Abrigada, membro da Frente Nacional de Libertação de Angola, foi ministro da Saúde no conselho revolucionário conjunto da Frente Nacional e da União Nacional para a Independência Total de Angola.

 O conselho foi formado  após uma reunião de cinco dias dos dois grupos em que um governo de coalizão foi estabelecido. Os dois grupos lutavam contra as tropas armadas soviéticas e apoiadas por cubanos do Movimento Popular de Libertação de Angola, que instituiu um governo em Luanda,depois destes expulsarem militarmente a unita e a fnla ,as forças Cubanas e Russas orientados pelo Agostinho Neto para matar todos os dirigentes e familiares da FNLA e UNITA que tinham refúgiados na fronteira do antigo Zaire actualmente república Democrática do Congo começaram a operação sangrenta no norte de Angola enquanto travavam fortes batalhas com as em Caxito, o Dr. Abrigada chefiou uma delegação a Genebra na primavera para pedir ajuda aos refugiados do Alto Comissariado das Nações Unidas para Refugiados.  A comissão enviou uma delegação a Angola e determinou que a situação era desesperadora numa grande área que incluía as cidades de São Salvador, Maquela do Zombo e Damba.  Um funcionário público norueguês;  Oystein Opdahl, foi enviado a Luanda para coordenar os esforços de resgate, daí houve tréguas nos combates e os refugiados foram evacuados para vários países nomeadamente França, Alemanha, Suíça,Canadá e Estados unidos da América onde a família do Dr.Samuel Abrigada são instalados nos estados unidos da América nesta altura Dr.Marisa Abrigada contava com 16 anos de idade ,formou e fez seu Doutoramento, sempre esteve atenta acompanhar o processo político em Angola, no ramo de solidariedade com os Angolanos que emigram nos estados unidos da América fugindo o regime ditatorial do MPLA ela tenhe dado seu apoio moral e financeiro,com estes últimos acontecimentos triste que tem vindo a registar em Angola,criou uma vontade enorme de contribuir para a libertação do povo Angolano do cativeiro do MPLA, apelando para os demais Angolanos na diáspora com objetivo de solidariedade com os demais Angolanos em Angola, afim de criar um único bloco com objetivo para tirar o MPLA do poder para obrigar a demissão do João Lourenço no cargo de presidente de Angola.

Deixe um comentário

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios marcados com *