Nelito Ekuikui da UNITA não teme o velhinho Bento Bento do MPLA

Nelito Ekuikui Denuncia Aliciamento De Militantes Pelo Partido MPLA


O Responsável da UNITA, em Luanda, Nelito Ekuikui alertou  aos membros e militantes do seu Partido em Luanda a estarem atentos às manobras de aliciamentos do partido MPLA no poder, que são recorrentes em anos pré-eleitorais e de eleições no país.


Durante o seu alerta, o dirigente provincial denunciou haver promessas de bens aos membros por membros do partido no poder, para se ingressar no MPLA. 


“Os nossos irmãos que fazem activismo, os nossos companheiros de luta deviam aprender. A lista é longa, desde 92, quando há eleições há dinheiro para comprar pessoas, comprar consciências”, afirmou o dirigente partidário, para quem num estado democrático e de direito não devia haver espaço para compra de consciêcnias.


“As pessoas deviam ser livres de estar neste ou naquele partido. Se cada um de nós amanhã não se sentir bem saia de consciência como entrou de consciência”, prosseguiu.


Nelito Ekwikwi dirigiu a sua mensagem ao Partido que sustenta o poder, sublinhando saber de relatos de companheiros seus em Viana, que já estão a ser contactados para passarem para o outro lado.


O jovem político defende que com esta actuação do partido no governo, não se constrói o País nem a Democracia.


“Assim vamos construir país? Assim vamos construir Democracia? Quando eu não tenho a liberdade de estar lá onde eu quero? É assim que se faz? Depois dizem que ganham bem. Ganham mal!”, questionou.


Ainda em constatação dos trabalhos do seu Partido naquela região mais ao norte de Luanda, Manuel Ekuikui, espera que o Presidente da República convoque as Eleições Autárquicas para todo o país e em todos os municípios, de acordo a vontade do povo, e não conforme a vontade do MPLA,acto este que não consta na agenda do presidente João Lourenço.


“Levemos a mensagem da UNITA para a alternância política. E, nós em 2022 nas eleições Autárquicas, nós queremos que seja o povo a exigir eleições autárquicas. O Presidente da República não emponha a vontade do seu Partido aos angolanos, Ele que respeite a Constituição da República de Angola, que emponha a realização das eleiçõea autárquicas em todos os municípios”, disse Nelito Ekwikwi.


O dirigente da UNITA na capital e Deputado mais novo na Assembleia Nacional incentivou aos militantes, membros e quadros da sua força política para a mobilização política e social, com vista a alternância do poder político nas próximas eleições gerais em Angola, segundo as sondagens da CNN ANGOLA o presidente Adalberto Costa Júnior da UNITA tem 75% para ganhar o presidente João Lourenço do MPLA com 25%.


“Activismo político é remobilizar as bases do partido, e o social é ir para as comunidades; lá onde não está o Partido: na Igreja, na praça, na paragem; para levar a mensagem da UNITA. Precisamos explicar aos angolanos residentes na província de Luanda, a necessidade da alternância política. É preciso mudar”, precisou o deputado Maka Mavulo News quis saber sobre a nova liderança do MPLA em Luanda onde Bento Bento é o líder na próxima campanha eleitoral em Luanda, Manuel Ekuikui temos outra visão geral da situação em Luanda nas eleições de 2017 ganhamos Luanda nosso objetivo não é Luanda mas sim formar o governo em 2022,temos hoje uma UNITA diferente daquela que o MPLA tem vindo a pensar,em Luanda em 2022 dados do Maka  Mavulo News , Bento Bento e Manuel Ekuikui disputaram a mobilização de eleitores para ambos seus partidos. 

Por Moussa Garcia

investigative journalist 

08 Abril,2021

 

Deixe um comentário

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios marcados com *