DENÚNCIA DE MILITARES DA BANDA DE MUSICA DO PRESIDENTE DA REPÚBLICA DE ANGOLA

 O homem das finanças da banda musical da Casa de Segurança do Presidente da República major Pedro Lussati acaba de ser preso quando tentava fugir com duas malas, uma com 10 milhões de dólares e outra com 4 milhões de Euros.

Major Pedro Lussaty foi preso hoje a tentar fugir com duas malas com 10 milhões de dólares e 4 milhões de Euros.

Enquanto os soldados continuam a ganhar 64 mil kzs.

no tempo do presidente Jose Eduardo Dos Santos as coisas estavam bem mas desde que este Joao Lourenço entrou na presidencia as coisas ficou de mal ao pior.

Não somos respeitados pelos nossos superiores mesmo sabendo que estamos aí desde 2017 até a data presente o presidente nem quer saber como vivemos com nossas familias,isto um dia podera explodir estamos fartos com este tipo de liderança.

Já cumprimos com toda honra e dever, cuidamos da recepção dos presidentes visitantes Africanos, Europeus, Americanos, Asiáticos e etc.

Tocamos com perfeição e honra o Hino Nacional de Angola e dos países dos presidentes que têm visitado o nosso país, mas ainda assim somos injustiçados por pessoas bem identificadas que exercem cargos de chefia na banda musical da Casa de Segurança da Presidência da República na qual nós também somos integrantes.

A Casa de Segurança do Presidente da República tem distribuído muitos bens como prémios sendo habitação e transporte, mas durante este todo tempo que estamos em serviço infelizmente nós nunca recebemos.

O salário proveniente dos quadros do Pessoal da Casa de Segurança não é o mesmo que se recebe porque as folhas do salário são alterados pelos chefes inserindo valores muito baixos subtraindo o resto para o benefício próprio.

Até hoje continuamos a receber os nossos salários na tesouraria e nos pagam em mãos, daí que os nossos superiores aproveitam roubar do nosso salário.

Muitos de nós vivemos em casas de renda e em zonas de alto risco sem segurança, uns até já foram vítimas de assaltos inclusive um colega nosso foi baleado pelos marginais na sua própria residência.

Não temos boas condições de trabalho, só temos uma caserna para 100 músicos ensaiamos num campo desportivo aberto e em pleno sol, 14 anos de serviço e muita injustiça, somos roubados desde 2004 e não temos boas condições sociais.

Por essas e outras, pedimos a intervenção do presidente João Gonçalves Lourenço para que se reponha a ordem e que os senhores citados respondam na Justiça pelos males cometidos contra nós.

o mais agaravante os nossos superiores estao metidos em atos de burla e desvios das verbas destinado para os musicos e o camarada presidente nem se preocupa com este problema.

Por Nvunda Muangola

para Maka Mavulo News

19 Maio,2021

Deixe um comentário

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios marcados com *