Turquia expressa tristeza pelo assassinato do presidente haitiano Jovenel Moise assassinado em sua residência, segundo o primeiro-ministro interino do país

                                   Ministro das Relações Exteriores da Turquia, Mevlut Cavusoglu

 Turquia expressa tristeza pelo assassinato do presidente haitiano Jovenel Moise assassinado em sua residência, segundo o primeiro-ministro interino do país

    ANCARA

O ministro das Relações Exteriores da Turquia expressou sua “grande tristeza” na quarta-feira pelo assassinato do presidente do Haiti.

Mevlut Cavusoglu expressou seus sentimentos no Twitter pela morte “covarde” de Jovenel Moise e disse que o falecido presidente foi “recentemente recebido em nosso país por ocasião do Fórum Diplomático de Antalya”.

Cavusoglu também apresentou condolências à família de Moise e ao povo haitiano.

Moise foi assassinado em sua residência enquanto a primeira-dama foi ferida na manhã de quarta-feira, segundo o primeiro-ministro interino do Haiti.

O Haiti suportou décadas de convulsões políticas, pobreza e um terremoto devastador em 2010 e continua altamente vulnerável a desastres naturais – principalmente furacões, inundações e terremotos.

A minúscula ilha caribenha de quase 12 milhões de habitantes foi duramente atingida por uma crise econômica exacerbada pela pandemia do coronavírus, já que o país é uma das nações mais pobres do Hemisfério Ocidental.

Fonte:Agência Anadolu

Deixe um comentário

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios marcados com *