RNT faz contas e conclui que nem em 100 anos se recupera o investimento: Investidores estrangeiros desistem de investir no ramo da electricidade em Angola

 

Empresários estão a desistir de investir na produção, enquanto a RNT faz contas e conclui que nem em 100 anos se recupera o investimento, por causa dos preços baixos da electricidade. Governo promete reajustar e admite uma subida, mas gradual.

 

Vários investidores com os olhos postos na produção de energia em Angola estão a desistir por causa do preço baixo da tarifa de electricidade, fixado em 14 kwanzas o kwatt/hora.

A Agência de Investimento Privado e Promoção das Exportações (Aipex) tem recebido várias intenções de investimento para a produção de electricidade que, no entanto, “esbarram no preço e não satisfazem a viabilidade”, como se queixa o administrador Lello Francisco.

Valor Econômico

Deixe um comentário

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios marcados com *