Amigo da UNITA tem o seu DNA no tráfico de drogas da Colômbia

Amigo da UNITA tem o seu DNA no tráfico de drogas da Colômbia 

Tem se dito que filho de peixe peixinho é, Andrés Pastrana é filho de Misael Pastrana, o homem que assumiu o poder da Colômbia em 1970, através de uma vitória em eleições fraudadas.

E foi o pior presidente que aquela país sul-americano, segundo relatório da OAE, no seu governo o tráfico s corrupção e tráfico tomaram conta do país, e a Colômbia era um país sem lei. 

1998 quando o seu filho Andrés Pastrana assume o poder, não fugiu à regra do pai, o político conservador aliou-se as guerrilhas de esquerda e os traficantes que financiaram sua campanha eleitoral. 

Em seu último livro, Pastrana revelou que sustentou um encontro com o chefe do cartel de Medellín, Pablo Escobar Gaviria, quando foi sequestrado por sete dias em 1998. Ali, no meio de um ambiente tenso, encontrou-se cara a cara com o narcotraficante com quem discutiu a extradição, o negócio das drogas, das bombas e até da família.

Pastrana ainda relatou que ao longo do seu mandato como presidente, teve vários encontro com um dos tenentes de Escobar, Jhon Jairo Velásquez, também conhecido como Popeye. 

É de recordar que Andrés Pastrana é o homem que tem apoiado é influenciado Adalberto Costa Júnior, para desacreditar o pleito eleitoral e não aceitar os resultados das eleições se não for a favor da UNITA.

Fonte Lil Pasta News

Deixe um comentário

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios marcados com *