UNIÃO EUROPEIA NÃO RECONHECE RESULTADOS ANUNCIADOS PELA CNE

 

                                                           NABILA MASSRALI  

                            Porta-voz de Relações Exteriores e Política de Segurança

 Fonte : Nabila 

A União Europeia toma nota dos resultados anunciados pela Comissão Nacional Eleitoral sobre as eleições gerais angolanas que tiveram lugar a 24 de agosto de 2022. Estas eleições decorreram em ambiente pacífico.

A UE está ciente das queixas da oposição e da sociedade civil sobre algumas deficiências no processo eleitoral e convida as partes interessadas a recorrerem a todas as vias de recurso para dar resposta às suas preocupações. Insta as autoridades eleitorais a envidar todos os esforços possíveis para lhes responder de forma justa e transparente.

A UE encoraja um diálogo aberto, construtivo e inclusivo entre o Governo de Angola, os partidos políticos da oposição e a sociedade civil, e reconhece que as expressões pacíficas de opinião são essenciais para a democracia.

A UE espera trabalhar com as autoridades eleitas assim que o processo eleitoral estiver concluído, a fim de reforçar ainda mais a parceria UE-Angola no quadro do nosso “Caminho Conjunto”.

Deixe um comentário

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios marcados com *