JORNAL FACTOS DE ANGOLA NACIONAL Dito Dalí -DENÚNCIA PÚBLICA CONTRA MANUEL HOMEM, GOVERNADOR DE LUANDA!

Dito Dalí -DENÚNCIA PÚBLICA CONTRA MANUEL HOMEM, GOVERNADOR DE LUANDA!

Dito Dalí -DENÚNCIA PÚBLICA CONTRA MANUEL HOMEM, GOVERNADOR DE LUANDA! post thumbnail image

Dito Dalí -DENÚNCIA PÚBLICA CONTRA MANUEL HOMEM, GOVERNADOR DE LUANDA!

“Chamo-me J. Lourenço. Tenho 25 anos de idade, uma jovem mulher que vê minha esperança a esfumar-se nesse país. De momento resido em Luanda, no bairro cassenda. Vivo com a minha mãe e meus avós, perdi o avô há dois meses porque não aguentou a pressão devido à perda da casa onde vivia com a mulher. Agora estou com a mãe e a minha avó de mulher!Acontece que a minha avó, tem uma lavra e querem nos receber a mesma lavra por orientações do actual governador de Luanda que também tem olhos nos terrenos do povo, temos toda documentação em nossa posse, mas como deves saber esse país não existe justiça para o povo por mais documentado você esteja podes perder os teus direitos. Os senhores só nos dizem estar a cumprir ordens e o caso já foi no tribunal e nada resolvem, provavelmente estão a dormir o processo por estar envolvido o governador!Preciso de conselhos por favor,Já nos partiram a nossa casa no zango-0. E não estou a ver mais onde tirar forças e meio para continuar a estudar.A casa fica no zango- 0, por de trás do condómino GLAKENI. Os supostos homens da administração de Viana que estão a cumprir ordens do governador Manuel Homem, e segundo o que consta o senhor João Moutinho, tido como um dos testa de ferro do Manuel Homem, alega ser o dono do terreno. Como isso pode ser possível?Por conta dessa situação o meu avô faleceu de desgosto! E agora sobre as nossas lavras na zona do BITA, há lá uma empreitada a mando supostamente do governo a receber as lavras do povo sem qualquer fundamento, todos só dizem estarem a cumprir ordens, ordens. Nesse dia não tínhamos como filmar essas pessoas porque nos receberam os telemóveis pra não registar nada, fomos a polícia dar queixa e não nos dizem nada, o pior é que o nosso cultivo (alimentos) sai tudo de lá até pra revender o que sobra para o nosso sustento. É de doer o coração meu irmão. Precisamos da ajuda da sociedade, dos advogados desse país, dos activistas e partidos políticos, por favor, Onde nos podem aconselha a ir defender os nossos direitos com este caso senhor Dito Dalí?Estamos a receber chantagem e ameaças de mortes e nos dizem mesmo que podem ir se queixar onde vocês quiserem, que país é este meu deus”? Relato de uma jovem que pede ajuda pública. Senhor Governador Provincial de Luanda, Manuel Homem, não mancha a sua “reputação” com casos de terrenos, se porventura o senhor está envolvido no espólio de terrenos dos camponeses convém desistir dessa máfia, caso não, intervenha na resolução desse problema e procurar mecanismos para proteger as terras dessas pessoas. Qualquer coisa entrem em contacto comigo para vos pôr a falar com essa jovem que pede ajuda da sociedade.

Leave a Reply

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios marcados com *

Related Post