POLÍTICA

Deputado da UNITA Nelito Ekuikui denuncia “cabala” contra ele devido aos distúrbios em Luanda

POLÍTICA
 Serviço de Investigação Criminal pede ao secretário provincial da UNITA em Luanda que formalize queixaLUANDA — O deputado e secretário provincial da UNITA em Luanda, Nelito Ekuikui, diz estar a ser criada uma “cabala” com vista à sua eliminação física, tendo por base a ideia de ser ele o mandante dos distúrbios que vêm acontecendo em Luanda, alegadamente por culpa das más condições de vida das pessoas.O responsável do principal partido da oposição na capital angolana lembra que um dos seus seguranças foi assassinado e que o seu carro foi alvo de “embates estanhos”.Em declarações à VOA, Ekuikui diz que há já algum tempo vem sentindo "uma estranha movimentação” em torno da pessoa dele.O deputado, que ainda não formalizou nenhuma participação junto dos órgaos de investigação, afirma não...

Acabou de cair a verdadeira máscara do MPLA este é um movimento criado pelos antigos latifundiários portugueses

POLÍTICA
Como a Verdade demora mais ela sempre chega estes são os verdadeiros donos do MPLA!!Acabou de cair a verdadeira máscara do MPLA este é um movimento criado pelos antigos latifundiários portugueses que queriam separar se da antiga Metrópole então criaram o partido MPLA-Movimento Popular de Libertação de Angola com intuito de ludibriar o Salazar alegando que eram os indígenas que se estavam a rebelião mais para a mentira ser bem coberta intruduziram alguns pretos de origens estrangeiras que são alguns Cabo-verdianos e São Tomenses para poderem se manter no poder a coberto desses estrangeiros se repararem bem nas estruturas centrais do MPLA são todos de origens duvidosas e têm a obrigação de transferirem o dinheiro para a Metrópole porque o dia que Portugal 🇵🇹 querer acabar com esta fa...

MPLA: Tchizé declara apoio a candidatura de António Venâncio

NACIONAL, POLÍTICA
Lisboa – A antiga deputada do MPLA, Welwitschia "Tchizé" dos Santos usou nesta quarta-feira (27), as redes sociais para declarar o seu apoio a candidatura do engenheiro António Venâncio que em Dezembro desde ano disputa, em congresso, à liderança do partido governamental em Angola.Fonte: Club-k.netEx-deputada diz que "poderá ajudar a democracia interna do MPLA"“Eu apoio a candidatura do militante António Venâncio à Presidência do MPLA, pois é muito importante que pela primeira vez em 65 anos de existência deste partido haja mais de um candidato à sua Presidência”, lê-se na declaração de Tchizé recém regressada do evento (Woman at the top Europe) promovido pela “Finantial Times”, na Inglaterra. Tchizé dos Santos, acredita que a candidatura do engenheiro António Venâncio ...

Adalberto Costa Júnior,Abel Chivukuvuku e Filomeno Vieira Lopes os mesmos deverão ser recebidos no subcomitê para os assuntos políticos nos Estados Unidos da America

NACIONAL, POLÍTICA
Lisboa – Está em curso em meios de ONG americanas baseadas em Washington, a calendarização de uma conferência pan-africana, prevista para ainda este ano, na qual os seus promotores tencionam formular convite ao líder deposto da UNITA, Adalberto Costa Júnior para apresentar o ponto de vista do seu partido sobre a democracia em Angola. O convite é extensivo a dois outros elementos (Abel Chivukuvuku e Filomeno Vieira Lopes) que integram a recém constituída Frente Patriótica de Angola (FPA).Fonte: Club-k.netDe acordo com fontes que acompanham os preparativos da iniciativa, caso o alto responsável da UNITA, e os seus colegas da FPA correspondem ao convite, os mesmos deverão ser recebidos no subcomitê para os assuntos políticos, para abordagem com congressistas deste país.Enquanto isso, a e...

O FRACASSADO GOLPE DO MPLA:O acórdão 700/2021 do TC, ao invés de dividir a UNITA, acabou por unir

NACIONAL, POLÍTICA
O acórdão 700/2021 do TC, ao invés de dividir, acabou por unir mais os seguidores de Savimbi, reiterando o que  publicou  o Africa Monitor,  no seu artigo: “Afastamento de líder da UNITA sem efeito pretendido pelo regime”, em que enumerava três efeitos não alcançados. 1 - “Privar a UNITA do seu principal elemento de mobilização”2- “Paralisar o projecto da Frente Patriótica Unida (FPU)”3- “Confundir a sua base de apoio; e fazer esmorecer a sua confiança”A decisão do Tribunal Constitucional Angolano de 7 de Outubro causou polémica - não apenas entre os apoiantes do maior partido da oposição, UNITA. Os observadores políticos e a sociedade civil também ficaram alarmados. Adalberto Costa Júnior teria que renunciar ao cargo de presidente da UNITA, segundo os juízes.Motivo: Qu...

O DISCURSO DO GENERAL KAMALATA NUMA QUE MEXEU COM O REGIME DO MPLA

POLÍTICA
O DISCURSO DO GENERAL KAMALATA NUMA QUE MEXEU COM O REGIME.Vamos ajudar o MPLA a ser um Partido Republicano para deixar de ser arcaico e feudal que tem um Presidente que tem medo de um Jovem, ACJ, Homem Brilhante. O Homem tem de ser mesmo Homem, Macho e não como Mulher.João Lourenço me decepcionou bastante, como Homem principalmente. Olhas para ele, um Homem que usa sapato caro e relógio mas na cabeça não tem nada, vazio, é Triste.Não vamos aceitar o voto antecipado pós isto é uma autêntica fraude, aí-de se o Grupo Parlamentar do MPLA aprovar esta lei, Angola vai ter Manifestações em todos os lugares e nunca mais vamos sair das ruas, que isto fique patente.Oieee, não brinca connosco a UNITA vem de longe. Fim de citação: General Kamalata Numa, in Huambo.Foi este discurso, ou seja, foi ...

CRIMINALIDADE AUMENTA EM ALTA EM LUANDA: Belas e Viana são os municípios com maior índice de criminalidade em Luanda

POLÍTICA
Belas e Viana são os municípios com maior índice de criminalidade em Luanda Roubos, violações, mortes, incluindo de agentes, constam do balanço da criminalidade no país, sobretudo em Luanda, marcado por patrulhamento deficitário e de degradação das condições sociais.O aumento de crimes violentos em Angola, com destaque para os bairros periféricos de Luanda, tem tirado sossego aos cidadãos. Nos últimos cinco anos, o país registou uma subida de 24% do índice de criminalidade, com uma média de 150 casos por dia.Em termos anuais, a taxa média é de 191,8 crimes em cada 100 mil habitantes, segundo dados revelados pela Polícia Nacional (PN) há quase um ano. Em 2018 e 2019, altura em que Angola começou a registar o agudizar da crise financeira e cambial, que já se arrastava desde 2016, o bala...

A banha da cobra do presidente João Lourenço não eleito do MPLA

POLÍTICA
 O presidente que nem no próprio MPLA foi eleito João Lourenço, continua a mostrar directa ou indirectamente o que pretende e que, como Folha 8 tem reiteradamente escrito, se resume à máxima “O MPLA é Angola e Angola é do MPLA”. Quem não estiver de acordo tem liberdade para escolher entre levar um tiro na cabeça, ser preso e desaparecer ou entrar voluntariamente amarrado na cadeia alimentar dos jacarés.No dia 30 de Junho de 2020, João Lourenço (para além de auto-elogios na suposta luta contra a corrupção) sublinhou que o MPLA “está proibido de passar mensagens erradas”. Ficamos todos a saber que é proibido recordar que o próprio Presidente disse que viu roubar, ajudou a roubar, beneficiou do roubo… mas que não é ladrão. Cada vez mais os angolanos mostraram (mesmo com a barriga vazia) ...

Angola: Quem tem medo da frente unida da oposição

NACIONAL, POLÍTICA
Quando surgiu a nova aliança da oposição em Angola, o Presidente João Lourenço considerou legítima a iniciativa para derrotar o MPLA nas eleições. Mas o partido governamental começa a dar sinais de nervosismo.    No ano passado, o Presidente angolano João Lourenço disse que os partidos políticos tinham o direito de buscar os seus "amigos e vizinhos" para tirar o Movimento Popular da Libertação de Angola (MPLA) do poder.  A primeira declaração pública tripartida, apresentada à imprensa no início de 2021 por Marcial Dachala, porta-voz da União para a Independência Total de Angola (UNITA), deixou claro que a iniciativa unia os líderes Adalberto Costa Júnior, presidente da UNITA, Justino Pinto de Andrade, então líder do Bloco Democrático, e Abel Epalanga Chivukuvuku, d...